Revista Encontro – Quem é Quem no Direito no Distrito Federal (Edição 2021/2022)

Texto publicado na revista Encontro Brasília.

EM FRANCA EXPANSÃO

Escritório cresce ao lidar de forma positiva com desafios impostos pela pandemia.

Segurança para os clientes é a prioridade do escritório Dias, Lima e Cruz (DLC). A firma de advocacia, criada há quatro anos, tem proporcionado estabilidade para empresas brasilienses que buscam atendimento especializado na área jurídica, e colhe os frutos do trabalho realizado com excelência. Após atravessar com sucesso um período de crise nacional, gerada pela pandemia, o grupo de ad- vogados tem se deparado com uma procura maior pelos seus serviços. Com isso, tem expandido a sua atuação para mais áreas de destaque no Direito e pretende se tornar uma referência no atendimento personalizado.

Cláudio Lima Filho, um dos sócios-fundadores do escritório, destaca que o auxílio dedicado e minucioso proporcionado às empresas que procuraram a firma nos últimos anos foi um grande acerto, que fez com que a equipe também expandisse sua atuação para novas áreas, vislumbrando outros nichos de mercado. “Temos nos dedicado bastante à demanda relativa a holdings patrimoniais, por exemplo”, diz. “Vimos que, por causa da pandemia, as pessoas têm se preocupado mais com isso, em se proteger e proteger seus bens com planejamento sucessório.”

O advogado ainda pontua que a assessoria especializada, muitas vezes vista pelo escritório como um alicerce para os seus clientes, tornou-se um ponto de maior destaque no último ano. “Nesses últimos tempos, nos deparamos com algo com que apostávamos: que o consultivo é o futuro da advocacia, e que o contencioso como conhecemos vai acabar”, afirma. “Deu certo defender isso para quem trabalha conosco, porque viram que funciona. Uma empresa desprotegida pode ter problemas sérios.” O sócio Mateus da Cruz complementa: “Muitos negócios enfrentaram, na pandemia, desafios que ninguém tinha visto antes, e nós conseguimos lidar com esse cenário com consistência. Nossos resultados foram muito positivos”.

O sucesso do escritório fez com que uma nova variedade de clientes procurasse os serviços prestados pelo grupo, como uma empresa de transporte da cidade e, principalmente, empresas do ramo cervejeiro. “Duas áreas que têm sido destaque no nosso cotidiano são a consultoria tributária e o setor de produção de cervejas. Temos recebido demandas diversas nessa área e agora também estamos trabalhando com um projeto de lei para esse nicho. É algo novo para nós, e que, caso dê certo, trará bons frutos, pois pode facilitar a entrada de novas empresas no mercado”, diz Mateus da Cruz. “Esse é um dos trabalhos que nos dá mais orgulho. Ele é muito complexo porque você precisa trabalhar em conjunto com pessoas de várias instâncias, na indústria e no governo”, afirma Cláudio Lima Filho. “É mais complicado, mas muito gratificante, até porque nós também somos empresários e sabemos o quanto esse trabalho pode beneficiá-los”, completa Fellipe Dias.

Para comportar essa expansão, que não somente se verifica numa maior gama de serviços e áreas de atuação, como também na equipe (com a chegada de uma sócia e uma advogada), os sócios estão em processo de mudança para um escritório maior nos próximos meses, e pretendem estabelecer novas parcerias. Eles acreditam que o sucesso obtido recentemente está relacionado ainda à proximidade do escritório com o público em geral. “Inauguramos as nossas redes sociais de forma mais profissional (com uma assessoria de marketing) esse ano, porque acreditamos que podemos contribuir sobremaneira para o empresariado brasiliense, em virtude de entrevistas que fomos convidados a conceder, além de termos uma atuação que é resposta às dores desses empresários”, afirma Fellipe. “Ficamos muito felizes com o que estamos colhendo e queremos manter essa boa relação com os nossos clientes, que têm em nós um porto seguro, bem como expandir nossos serviços aliando qualidade, agilidade e proximidade com os nossos clientes, buscando a melhor e mais adequada solução jurídica aos diversos casos que nos são apresentados. Estamos confiantes nesse sucesso e com ainda mais força para alcançá-lo”, finaliza ele.

Recusa de vacina e rescisão por justa causa